Publicidade

Aldeia das Águas

Há Casos!

Marco Túlio Carvalho

mtacarvalho@gmail.com

Crônica

A lição do sapo

Sempre haverá um ou outro querendo cruzar o nosso caminho, não no intuito de contribuir, mas sim para atravancar a nossa chegada

Colunistas  –  26/03/2017 14:21

6062

(Foto Ilustrativa)

Esteja certo de que nem tudo

o que dizem vale a nossa atenção

 

Começo a crônica de hoje com um conto. 

"Um sapo decidiu chegar no topo de uma árvore.
Os outros sapos ficaram gritando:
- É impossível! É impossível!
Mesmo assim, o sapo continuou subindo até chegar no topo...
Mas como???
Simples... O sapo era surdo!
Ele pensava "todos lá embaixo estão me encorajando, eu preciso chegar lá em cima". 

Na vida, "fazer vista grossa" para certos tipos de comentários alheios, torna-se imprescindível.
E digo mais, é uma questão de sobrevivência.
O sapo era surdo e foi poupado da negatividade dos outros.
Mas e nós, plenos de todos os nossos sentidos?
Se você, numa autoanálise, julgou ser capaz de desempenhar algo, vá em frente.
Creia, planeje e aja.
Com toda a propriedade sabendo se deve ou não subir a árvore.
Sempre haverá um ou outro querendo cruzar o nosso caminho, não no intuito de contribuir, mas sim para atravancar a nossa chegada. Seja por inveja ou pura maledicência.
Esteja certo de que nem tudo o que dizem vale a nossa atenção. Um bom conselho será dito no particular e não junto ao grito de uma multidão, como aconteceu com o corajoso sapo.
Portanto, se quisermos alcançar os nossos sonhos, sejamos surdos para os pensamentos negativos.
Aqueles que um dia te criticaram não ousaram conhecer a sua felicidade. 

Bom domingo.
Boa semana.
Abraços meus.

Por Marco Túlio Carvalho  –  mtacarvalho@gmail.com

Seja o primeiro a comentar

×

×

×