Publicidade

DJ

Apoio

Movimento Volta Redonda Sem Homofobia precisa de R$ 1,8 mil

Selecionado para a Conferência de Jovens Líderes LGBT+ do Programa TODXS Embaixador 2017, dinheiro será usado em viagem, visando concorrer a financiamento para abertura da Casa de Acolhimento LGBT+

Você é o repórter  –  10/10/2017 20:56

1

(Foto: Reprodução/Facebook)

_______________________________________________________

As doações podem ser realizadas no cartão de crédito ou no boleto bancário; clique aqui para doar  

_______________________________________________________

Internauta: Natã Teixeira Amorim
Coordenador Movimento Volta Redonda Sem Homofobia
Embaixador no Programa TODSX LGBT+
Volta Redonda 

Ajude o Volta Redonda Sem Homofobia a custear sua participação na Conferência de Jovens Lideres LGBT+ no Brasil e concorrer a um financiamento pelo edital In-Pacto para a abertura de uma Casa de Acolhimento para jovens LGBT+ expulsos de casa no Sul Fluminense. 

Somos o Volta Redonda Sem Homofobia, organização que tem por objetivo promover a qualidade de vida, os direitos humanos e a cidadania da população LGBT+, pessoas convivendo com HIV/Aids e pessoas expostas à prostituição no Médio Paraíba. 

Fomos selecionados para o programa TODXS Embaixadorxs, que é uma iniciativa que busca conectar e capacitar 26 jovens líderes LGBT+ de todo o Brasil para que sejam transformadores de suas realidades e comunidades. O programa consiste em cinco meses de oficinas e treinamentos online nas áreas de comunicação, liderança e empreendedorismo. 

Durante o programa, as pessoas participantes constroem projetos que possam contribuir para melhorar a qualidade de vida de suas comunidades, especialmente de pessoas LGBT+, e concorrer um financiamento do edital In-Pacto, que é uma oportunidade do jovem embaixador ter seu projeto financiado e incubado pela TODXS, com a possibilidade de aprender novas habilidades e fazer o seu projeto virar realidade. 

De 1 a 5 de novembro, acontece a Conferência de Jovens Líderes LGBT+ do Programa TODXS Embaixador 2017 na cidade de São Paulo, onde os embaixadores apresentarão seu projeto pela primeira vez aos parceiros do programa e finalizarão os treinamentos. Embora tenhamos sido selecionados, não é certa a nossa participação, devido à falta de recursos para bancar o custo da viagem, que está estimada em R$ 1,8 mil, para custear três pessoas. 

Com isso, viemos a todos que conhecem o nosso trabalho pedir uma colaboração, bem como a indicação de outras que possam colaborar para viabilizar nossa participação. Agradecemos qualquer contribuição.

_______________________________________________________

> Como participar do “Você é o Repórter”

Fotografou (ou filmou) alguma irregularidade? Tem lixo acumulado na sua rua? Buracos, entulhos, flagrou algo que merece ser divulgado? É só enviar para o OLHO VIVO, que será publicado. Importante: Não são apenas coisas ruins e reclamações que podem ser enviadas. Viu uma ação social interessante? Um projeto na sua comunidade que está funcionando muito bem, obrigado. Tem uma banda, um grupo de pagode? Vai lançar um CD, EP ou DVD? Então, fotografe (ou filme) e envie os dados sobre o assunto com o seu nome completo, cidade, bairro e contato telefônico (não se preocupe, telefone e e-mail não serão publicados). Assim, todo mundo vai ficar de OLHO VIVO na sua reportagem.

. Envie para: claudioalcantaravr@hotmail.com I contato@olhovivoca.com.br I (24) 9-9995-5250

_______________________________________________________

Por Redação do OLHO VIVO  –  contato@olhovivoca.com.br

Seja o primeiro a comentar

×

×

×