Publicidade

Premio

Contagem Regressiva

Grupo Estudarte realiza IX Festival de Teatro

Evento se dividirá em duas noites, envolvendo 14 atores em oito espetáculos

Teatro  –  06/12/2019 10:29

  • Janelas de mim

  • Entre o amor e o medo

  • Dez coisas que os homens odeiam nas mulheres

  • Crise

  • O beijo no umbigo

  • Árvore genealógica

  • Mulheres desesperadas

(Fotos: Divulgação)

_______________________________________________________

Entrada franca: Dias 12 e 13 de dezembro, às 19h30, no Centro Cultural da Fundação CSN, em Volta Redonda

_______________________________________________________

Depois de passar o ano 2019 integrando projetos como o ReVolta com Poesia, Quase Lá!, Pequenas Leituras, Sesc Mais Social e Dia Zen, o grupo cênico Estudarte entra em contagem regressiva para o seu nono festival de teatro, nos dias 12 e 13 de dezembro, às 19h30, no Centro Cultural da Fundação CSN, Volta Redonda, com entrada franca. 

Serão quatro espetáculos apresentados em cada dia, misturando comédias e dramas, entre textos já conhecidos e inéditos, mantendo o objetivo de incentivar a reflexão social do público.

- Nestes quase 17 anos de vida o grupo se desenvolveu em diversas esferas. Aumentamos o leque de gêneros teatrais, a consciência cênica e a estrutura dos textos. O conhecimento técnico mudou muito, até porque quando foi fundado só havia adolescentes no elenco e hoje quase todos os integrantes são adultos, parte deles profissionais. O que não mudou foi o objetivo de estimular a reflexão - detalha Rodrigo Hallvys, diretor geral do Estudarte e proprietário da RH Soluções Artísticas, empresa que é dona da marca do grupo.

Atualmente a RHSA possui duas marcas registradas: As Sublimes, da década de 90, que, segundo Hallvys, foi o primeiro grupo vocal brasileiro composto por mulheres negras a fazer sucesso, e o Estudarte, que tem se envolvido com vários projetos culturais.

A escala de espetáculos

Iniciando o primeiro dia do festival, a novata Duda Pereira foi a escolhida para fazer a abertura com “Janelas de mim”, texto inédito que dispõe o abandono emocional que vários adolescentes vivem dentro de casa enquanto os pais se dedicam apenas ao trabalho ou a enriquecer. Em seguida, “Entre o amor e o medo”, que volta à cena trazendo Demétrio Santos, Filipe Xagas, Ludmila Sousa, Ramon Amorim e Thiago Giaccomeli para situações de violência doméstica e urbana. O espetáculo, que foi apresentado em duas edições do ReVolta com Poesia, é considerado o texto mais forte e dramático do Estudarte no evento, deixando, de acordo com Hallvys, o público emocionado em todas as apresentações já ocorridas.

Seguindo a sequência, o penúltimo texto do dia de estreia será “Versos ferinos - A peça”. Inspirado no perfil Versos Ferinos, da rede social instagram, o espetáculo foi escrito por Rodrigo Hallvys para ser interpretado pelo próprio autor do perfil, o ator Albinno Oliveira Grecco.

- Albinno é meu amigo há mais de uma década. Ele também é escritor, ator e com o tempo se tornou integrante oficial do Estudarte. Ele tem uma escrita rara, erudita, que mexe, emociona e envolve a reflexão através de poemas. Propus adaptar os poemas para contextos cênicos e ele topou o desafio - detalha Hallvys.

Após os três textos dramáticos, será o momento da comédia “Dez coisas que os homens odeiam nas mulheres”, que foi criado e apresentado pela primeira vez há dez anos, e também já arrancou gargalhadas em um festival de teatro da RHSA no Rio de Janeiro, em 2014. Com elenco renovado, contando com o experiente Demétrio Santos, Lucas Goulart e Thiago Giaccomeli, o texto recebeu uma nova construção rítmica e tende arrancar ainda mais as gargalhadas do público, encerrando o primeiro dia do evento.

RodrigoHallvys129b

Rodrigo Hallvys

No dia 13, sexta-feira, será a vez de Duda Simões, atriz preparada por Hallvys que participou de quatro festivais produzidos por ele no Rio, trazer a comédia “Crise” para Volta Redonda como espetáculo convidado, abrindo a agenda da noite, criticando a pressão criada pela expectativa social em cima das mulheres. Logo depois “O beijo no umbigo” volta à cena com o Estudarte após 11 anos. A comédia traz desta vez Lucas Goulart, Ludmila Sousa e Thayanne Xavier interpretando o texto, que foi criado e apresentado em 2003 pela primeira vez, e também esteve em um festival de teatro no Rio de Janeiro em 2014;

- Lança mão de reflexão sobre a diferença entre religiosidade e hipocrisia, alertando que cada pessoa precisa aplicar sua religiosidade a si mesmo e não utilizá-la para ficar julgando os outros.

Em seguida, a adaptação livre de “Árvore genealógica”, escrita por Hallvys em 2003, também voltará à cena após ter sido apresentada em dois festivais em Volta Redonda e um no Rio de Janeiro. Agora interpretado por Maycon Lendel e Ramon Amorim, a comédia recebe algumas alterações na proposta de interpretação. Para encerrar o festival com o riso farto, a comédia “Mulheres desesperadas” volta ao palco, com elenco parcialmente renovado e em uma versão estendida interpretada por Dieni Flausino, Filipe Xagas, Maíra Pimentel e Melissa Santana.

- Vamos encerrar as duas datas com espetáculos maiores e que sempre arrancam chuvas de gargalhadas do público enquanto fazem pensar. Escolhemos ambos por serem os de maior duração. “Mulheres desesperadas” já tem uma lista bem conceituada de apresentações feitas em eventos de outros artistas e de festival no Rio de Janeiro. E sempre mexe com o público de forma muito satisfatória - comemora o diretor.

Quem é quem

12 de dezembro (quinta-feira)

. Janelas de mim - Com Duda Pereira.
. Entre o amor e o medo - Com Demétrio Santos, Filipe Xagas, Ludmila Sousa, Ramon Amorim e Thiago Giaccomeli.
. Versos ferinos - A peça - Com Albinno Oliveira Grecco.
. Dez coisas que os homens odeiam nas mulheres - Com Demétrio Santos, Lucas Goulart e Thiago Giaccomeli. 

13 de dezembro (sexta-feira)

. Crise - Com Duda Simões.
. O beijo no umbigo - Com Lucas Goulart, Ludmila Sousa e Thayanne Xavier.
. Árvore genealógica - Com Maycon Lendel e Ramon Amorim.
. Mulheres desesperadas - Com Dieni Flausino, Filipe Xagas, Maíra Pimentel e Melissa Santana.
. Direção Geral: Rodrigo Hallvys.
. Assistentes de direção: Albinno Oliveira Grecco, Demétrio Santos, Diego Machado e Thiago Giaccomeli.
. Som e luz: Lucas Goulart e Melissa Santana.
. Produção: Demétrio Santos, Ludmila Sousa, Maycon Lendel e Thayanne Xavier.
. Produção executiva: Maíra Curtinhas, Melissa Santana, Ramon Amorim e Rodrigo Hallvys.
. Cenário e figurino: Melissa Santana e Rodrigo Hallvys.
. Maquiagem: Paolla Honório.
. Marcenaria: Newton Machado.
. Departamento comercial: Ramon Amorim.
. Jurídico: Filipe Xagas.
. Assessoria de imprensa: Rodrigo Hallvys.
. Fotografia: Thiago Giaccomeli. 

________________________________________________________

Por Assessoria de Comunicação  –  contato@olhovivoca.com.br

Seja o primeiro a comentar

×

×

×