<

Publicidade

Premio

Contramão

"Fábula", o indispensável disco de Cris Braun

CD é muito gostoso de ouvir, moderno, tem belos arranjos e lindas canções que falam de amor, desilusões, inquietudes, perdas e ganhos

Música  –  07/09/2012 17:49

29

(Foto: Divulgação/Fernando Coelho)

Voz maravilhosa: Difícil mesmo é parar de ouvir Cris Braun

Queria abrir este espaço com um disco que realmente traduzisse o que desejo fazer aqui. Escolhi um CD recente que é sucesso de crítica e festejado pelos ouvidos mais apurados que conheço. O novo trabalho de Cris Braun é um álbum lindo, muito bem tocado, com uma produção excelente, e Cris é uma das mais belas vocalistas da nossa história - é tão bonita por dentro tanto quanto por fora e tem uma voz maravilhosa, salve Cris!

“Fábula” (2012 - Independente) é seu mais recente CD, muito gostoso de ouvir, moderno, com belos arranjos e lindas canções. O álbum traz músicas da própria Cris, Wado, Billy Brandão, Lucas Santana, Fernando Fiúza, Marina Lima, Alvin L., Junior Almeida, Zé Paulo e Quito Ribeiro.

Onze faixas

São 11 canções que falam de amor, desilusões, inquietudes, paz, redescobertas, perdas e ganhos. A vida que vira música ou a música que traduz a essência da vida, o disco traz melodias de uma doce tristeza e uma alegre melancolia - “Tão feliz” que o diga. “Artérias” é o sangue pulsando... De repente “Oscilante” vem nos fazer dançar. “E o amor calou” anuncia que o amor está lá, sempre esteve e sempre estará. “Terra do nunca mais” é uma fábula musical, “Memória da flor” tem o charme necessário pra arrematar esse belo disco. Isso pra falar apenas de algumas das 11 canções do álbum, que tem ainda uma belíssima releitura para “Deve ser assim”, de Marina Lima e Alvin L.

A ilustração fica por conta do jovem artista alagoano Pedro Lucena e é muito bacana. Cris levou quatro anos gravando esse disco, que conta ainda com a participação de Lan Lan, Fernando Coelho, Celso Fonseca, Aldo Jones, Pedro Ivo Euzébio, Billy Brandão, entre outras feras.

Meu conselho: Ouça “Fábula” o mais rápido possível. Indispensável! Difícil mesmo é parar de ouvir Cris Braun.

Um pouco sobre a artista

Para quem ainda não teve o prazer de ouvir e conhecer essa artista conto um pouco do que sei. Cris é cantora e compositora, nasceu em Estrela, no Rio Grande do Sul, morou em Maceió (nas Alagoas) e no Rio de Janeiro. Hoje está de volta a Maceió, mas isso é apenas um pequeno detalhe geográfico, Cris é como Chaplin: uma cidadã do mundo.

Começou a fazer shows em 85, e nessa época apresentou-se no Mistura Fina, no Rio de Janeiro. Foi uma integrante do Sex Beatles, banda cultuada até hoje. Com o grupo gravou dois discos, “Automobília” (94) e “Mondo passionale” (95), pelo extinto selo RockIt! do guitarrista Dado Villa Lobos, que assina a produção de ambos, junto com Tom Capone. Em 97, lançou seu primeiro disco solo, “Cuidado com pessoas como eu”, pelo selo Fullgás, de Marina Lima. Em 2004, “Atemporal”, pelo selo Psicotrônica, de Beni Borja, ex-baterista do Kid Abelha.

Serviço

> Cris Braun - No site da Cris tem download grátis dos álbuns, mas comprar o original é uma onda diferente, quem curte sabe! Compre aqui.

Por Márcia Tunes  –  marciatunes@gmail.com

18 Comentários

×

×

×

  • rardNub

    posso usare litaliano or english

  • itaBrict

    Ciao a tutti vengo dallitalia / itawero

  • Mais comentários