<

Publicidade

Premio

Fazendo Arte

"Dramaturgia de Quinta" é a novidade na Toca do Arigó

Evento estreia em 15 de novembro, com a leitura do espetáculo "A curva secou", de autoria de Giglio

Parabólica  –  14/11/2012 18:19

420

(Foto Ilustrativa)

Ideia é apresentar textos de

autores locais e convidados

A programação da Guerrilha esta semana tem novidade. Além do Poesia em Volta - Especial Poetas Simbolistas, tem o Dramaturgia de Quinta, quinzenalmente na Toca do Arigó (Rua Crispim Assis Pereira, 67 - ao lado do posto AP da Amaral Peixoto, descida da Colina -, no São Geraldo, em Volta Redonda), a partir das 19h30. A entrada é gratuita. O evento se propõe a apresentar textos de autores locais e convidados, com o objetivo de debater e fomentar a produção dramatúrgica da cidade e região. Estreia em 15 de novembro, com a leitura do espetáculo “A curva secou”, de autoria de Giglio. O texto faz o paralelo entre um casal e o Rio Paraíba do Sul, discutindo a sua transposição em São Paulo, a poluição e a vida política de Volta Redonda. Com Giglio e Cynthia Ferreira.

Um leque de variedades...

Também na Toca do Arigó, um show de variedades revivendo o espírito dos antigos cabarés. Inspirado nos cabarés franceses e no teatro de revista brasileiro, o “Cabaré Poeirinha” apresentará um espetáculo de variedades que inclui forró com a Banda de Pilão, dança, números circenses, ilusionismo, humor, manipulação de bonecos, dublagem, imitações, palco aberto e muito mais. Serão artistas convidados que se revezarão no palco trazendo toda uma dinâmica para a noite de sexta-feira. Terá ainda o Palco Aberto, para que o público possa demonstrar seu talento. Todos os números serão interligados pela figura do mestre de cerimônias, interpretado por Giglio, que assina a direção e produção do cabaré. Ingressos: R$ 5.

Oficina de artes circenses...

O Sesc (Serviço Social do Comércio) de Barra Mansa oferece oficina de artes circenses. As aulas são realizadas toda quarta-feira (14, 21 e 28 de novembro), das 14 às 17h. São ensinados movimento com malabares, acrobacias, andar sobre perna de pau, técnicas teatrais e expressões corporais. É gratuito, mas é preciso ter pelo menos 14 anos. Rua Tenente José Eduardo, 560, no Ano Bom. Telefone: (24) 3324-2630.

Tem cinema de graça...

Até o fim de novembro, todas as quartas-feiras, em Barra Mansa, tem cinema de graça, no projeto Cineclube Palácio. São exibidos filmes no Palácio Barão de Guapy, onde funciona a Biblioteca Municipal, no Centro. As exibições são às 15 e 19h. Inicialmente são exibidos apenas filmes nacionais, como a trilogia essencial de Glauber Rocha. Dia 14, “Terra em transe”; e, dia 21, “O dragão da maldade contra o santo guerreiro”.

IV Fórum de Música de Vassouras...

O IV Fórum de Música, Educação, Gestão e Cidadania começa nesta quinta-feira, 15, em Vassouras. Oficinas de instrumentos de banda e orquestra, lutheria de sopros e cordas, além de mesas de debates, palestras, rodas de brincar, grupos de trabalho nos temas de educação musical e gestão cultural. Mais: ações de entretenimento, apresentação de concertos, exibição de filmes e documentários, mostra artística livre e feira de economia criativa. O fórum é organizado pelo PIM (Programa Integração pela Música, Ponto de Cultura) em parceira com o Pirpim (Pontão de Integração Regional). A edição deste ano homenageia Noel Devos, fagotista francês, um dos músicos e professores mais admirados no meio clássico do Brasil.

Por hoje é isso. Até mais...

Por Redação do OLHO VIVO  –  contato@olhovivoca.com.br

Seja o primeiro a comentar

×

×

×