<

Publicidade

Premio

Toxinas

Nosso corpo gera a beleza, e não o contrário

Autoconhecimento pode nos levar a um bom sono, hálito bom o dia todo, anos sem gripe e muito mais

Viver bem  –  21/10/2012 18:10

326

(Foto Ilustrativa)

As doenças vêm muitas vezes pra nos alertar

de algo ruim que ingerimos ou fizemos

O desempenho de nosso corpo está conectado com nossa força, o que nos mantém com vigor e bem-estar. Em equilíbrio somos aquilo que sonhamos, estamos satisfeitos, estamos em busca, estamos decididos. Mas para sairmos em busca do equilíbrio, passamos antes pela ausência dele.

As doenças vêm muitas vezes pra nos alertar de algo ruim que ingerimos ou fizemos, seja um ritmo de vida ruim e com pouco sono, um estômago ácido reclamando da comida, um intestino seco mostrando a falta de lubrificação. Em cada uma das coisas que nosso corpo sinaliza pra nós, existe uma reação ocorrendo ali, onde a toxina se acomoda e acumula.

O ciclo

Em sua fase de acúmulo, esse ambiente se torna mais sensível. Por meio de sinais, podemos saber que estamos com acúmulo de toxina em um local, como um mau hálito constante ao acordar, peso após as refeições, sono conturbado, aumento de peso, ansiedade. Todos esses famosos desequilíbrios de nosso corpo podem ser gerados por diversos fatores externos. Mas o que desencadeia seu acontecimento é um acúmulo de toxina constante em um determinado local de nosso corpo.

Seja essa toxina mental ou física, os resultados não podem ser bons. Uma leve constipação pode se prolongar por anos até se tornar crônica. A falta de nutrientes pode deixar as unhas fracas hoje, mas pode ser a osteoporose das próximas décadas. Ficar gripado não é só um sinal de baixa imunidade, mas de acúmulo de toxinas, em que o pulmão se torna o meio de eliminação. Estejamos atentos para os sinais do que nos torna doentes.

Bem simples

Quantas vezes não nos salvamos por um simples banho quente ao chegar em casa, ou um chazinho. Uma pizza antes de dormir pode agir inversamente proporcional a uma sopinha de legumes duas horas antes de dormir. A forma como tratamos de nosso corpo deve ser mais sagrada do que a forma como tratamos nossa beleza. Pois nosso corpo gera a beleza, e não o contrário.

O adoecer é o acúmulo de uma série de fatores externos e internos, físicos e psicológicos, mas se prevenir a ele é possível, pela auto-observação. Saber como nosso corpo age em determinadas condições, pra que haja a resposta correta para cada desequilíbrio. O autoconhecimento toma seu lugar nessa tarefa e pode nos levar a um bom sono, hálito bom o dia todo, anos sem gripe… E muito mais!

Por Edson Osorio  –  edsonreiki@gmail.com

Seja o primeiro a comentar

×

×

×