<

Publicidade

Premio

Primavera/Verão

Eduardo Corsini tira todas as dúvidas sobre os cabelos curtos

Cabeleireiro do Sense Salon dá dicas de como mudar radicalmente o visual para a nova estação

Beleza  –  24/09/2012 16:54

Dudu

(Fotos: Divulgação)

Corsini: “A mulher de cabelos curtos passa uma imagem de autoconfiança, credibilidade”

abelos curtos estão em alta? O cabeleireiro Eduardo Corsini, de 31 anos, dá as dicas para aquelas que querem mudar radicalmente o visual nesta primavera. O OLHO VIVO montou um roteiro para facilitar a sua vida. O profissional ensina como diversificar os curtos, a idade ideal, o formato do rosto e ainda tira aquela dúvida cruel: Franja, sim ou não?

Corsini morou cinco anos em Boston e três em Nova York, é formado em cosmetologia em New England Hair Academy 2001 e Commonwealth of Massachusetts 2001. Atualmente é proprietário do Sense Salon. 

> Como diversificar o cabelo curto

- Cortes mais modernos, hoje se consegue variar com muita coisa, tipo: pomada, gel, spray, levantando a nuca, deixando um maior com apliques. Existem inúmeras maneiras de variações. 

> Para mulheres mais jovens ou não

Cabelo1

- Esse conceito de que cabelos curtos são para mulheres mais jovens é muito antiquado, hoje em dia não existe mais não. Antigamente, sim, quando até se dizia que após os 40 anos se usava mais os cabelos curtos. Agora nada a ver. Essa teoria não existe, só a praticidade mesmo de se ter os cabelos curtos. Em nossa região não tem muito uso de cabelos curtos como em grandes cidades metropolitanas. 

> Formato de rosto influencia

- Tem a questão do visagismo, mas com os cortes modernos somente mesmo com Chanel e com um rosto muito redondo que ficaria muito acentuado. Nesse caso, usa-se o corte mais desfiado para disfarçar. 

> Franja: sim ou não?

- Depende do estilo do corte, porque dá mais trabalho e deixa com aparência mais infantil, a não ser quando se que mudar radicalmente.

 > Cabelos curtos = mais confiante

Curto2

- Sim, passa uma imagem de autoconfiança, credibilidade. Assim como o longo passa a imagem acolhedora. 

> Fetiche com o cabelo

- Com certeza, existe fetiche com o cabelo. O cabelo está ligado à sensualidade. Como regra geral, o homem gosta de cabelão, mas acho que está mudando, isso vem de antigamente, os homens da caverna arrastavam as mulheres pelos cabelos. 

> Dica para quem quer cortar curto

- Acho sempre melhor ir primeiro para o médio e depois ir aos poucos cortando, a não ser aquelas corajosas que sempre chegam com muita coragem. E também, gente, tem um porém: se cortar e não gostar, o cabelo cresce.

Curto3

Por Izabel Alcântara  –  miaso@uol.com.br

1 Comentário

×

×

×

  • Cristina

    Ele arrasa em qualquer corte de cabelo!!!!Toda a equipe é D+!!!!!!!